domingo, 2 de maio de 2010

A Espera

.
Eu fui até lá
E lá te esperei
Você não disse que ia
Mas eu te esperei
Esperava que você fosse
Que pensasse em mim
E aparecesse
Todos foram, menos você
Todos, até os que não iriam

Depois que todos saíram
Ainda fiquei a esperar
Podia ser que você aparecesse
O segurança pediu para que me retirasse
Mas eu disse que estava a te esperar
Ele não não entendeu e saiu
Apenas eu fiquei

E lá eu fiquei
De lá nunca mais saí
Lá fiquei várias horas
Vários dias, anos e séculos
Mas por algum motivo você nunca vinha

Esperei tanto que morri
E novamente nasci
Esperei tanto que não sei se isto já foi
Ou se ainda está por vir
Esperei tanto que não sei mais
O que é não esperar
Esperei tanto que o chão sob meus pés
Já deixou de existir
Esperei tanto que o tempo da espera
Supera a idade do universo
Esperei tanto que a espera se tornou concreta
E nela podemos tocar
Esperei tanto que a espera emitiu um som
Que agora é o único som a soar
Esperei tanto que somente da espera posso lembrar
E nem sei mais quem sou, além de alguém a esperar

Mas por ser tolo
Nunca me dei ao trabalho de te ligar
Você que estaria do outro lado da linha
Apenas esperando eu te chamar





_____________________________________________________
Vejam no
http://descemaisum.blogspot.com/2010/05/festa-na-usina-nuclear.html
"Festa na Usina Nuclear"
Escrito para o tema da semana: "Realidades Inventadas"
(contém uma montagem tosca feita por mim...)

36 comentários:

gabriela m. disse...

desencontros pela vida.

Athila Goyaz disse...

Qdo você quer ser romântico , você consegue.

Paulo Vitor Cruz disse...

A espera tem lá o seu lado lírico... como costumo teclar por aí, "é tudo uma questão de olhar"...

Suelen Braga disse...

Lindo texto...
Achei seu blog por um acaso, mas vou permanecer...amei isso aqui!

Um beijo grande =*

flaviadoria disse...

Isso tudo porque eu não fui ontem??
hahahahah
sacanagem.

Cara eu realmente gostei desse, principalmente os últimos versos.

"Mas por ser tolo
Nunca me dei ao trabalho de te ligar
Você que estaria do outro lado da linha
Apenas esperando eu te chamar."

Muito bom, viu?

Daninha disse...

Um a espera do outro *-*
Sabe o começo do poema me lembrou o filme Marley e Eu.
Beijos

Gabi Petrucci disse...

Noossa, cara!
Gostei desse, de verdade!

:*

Tiago Fagner disse...

Foda, foda!
O penúltimo parágrafo é um show à parte.

Guilherme Canedo disse...

Esperar as atitudes alheias é sempre frustrante, sempre...!

muito bom

abraços

Nua e Crua disse...

Som entendido ;)


Olá

Ruth Connors disse...

porra muito bom, e eu nem gosto de porra de poema

Henrique Miné disse...

saoksoaksoakoska

não foi vc que escreveu isso velho! Puta merda!

Gostei, pra caraalho. Me lembrou um conto...meu :~~ que ainda não foi publicado, hehe.

Abraço.

Leandro Pere disse...

Gostey heeim, boto fée brother.. to seguindo aki!

Marianna disse...

Você disse que postou algo bom e eu concordo contigo :)

Sabe, você anda melosinho
não exageradamente

e eu adorei o poema ^^

Desnuda disse...

Rafael.

um poema maravilhoso que descreve um fato bem comum... Quantas vezes o orgulho não se transforma em espera infinda e carrega-se o peso da tolice por toda uma vida.

Beijos e ótima semana, poeta!

Hadassah disse...

Eu preciso dizer, até que enfim um texto que eu realmente gostei!! Não que os últimos tenham sido ruins, só que não me identifiquei como esse.
Parabéns
bjs

Rafael Only disse...

Esperar por uma pessoa é pior do que esperar por um cão perdido. Nunca perdi um cão.. mas já sei disso há algum tempo. Gostei muito também do texto "Alegria Viril". Wicked cool.!

Pérola disse...

Boa noite.
Muito obrigado pela sua visita.
Amei o seu poema,me cheira a alma gêmea acreditas nisso?
Eu acredito e muiiiiiiiito.
Amei o seu blog.
Parabéns,um beijo grandão.

''Tay' disse...

Adorei seu blog,
to seguindo.

bjus =*

Inês disse...

Nossa, vc é bom!
(Pois é, menino, aquilo tudo aconteceu de verdade e até pior, e mais umas 60 vezes parecido...)
Então... Tou sem msn! Tenho Orkut, serve? Inês Paraíso.
E vc?
Beijos!

Ferdi disse...

(macho mode: on) Nossa, que incrivelmente do caralho (macho mode: off)!
PQP, sério, muito bom.

E a espera concreta e palpável não é tão difícil de ser encontrada quanto se parece.

Dandara disse...

Eu nunca sei quando pode ser um desencontro, por isso faço.

poetaeusou . . . disse...

*
gostei do post,
,
esperar,
é sentir estar vivo,
,
saudações,
,
*

Clariano disse...

Há, muito bom seu texto.
E pelo o que eu já li no seu blog,
você consegue ser bem romântico algumas vezes!
Gostei pacas.
Novo Leitor (y)
abraços!

Nayara Marques disse...

Assim como o leitor acima, devo dizer que também sou uma nova leitora. Belíssimo poema, me encantou.

Bjs.

Henrique Miné disse...

assim, não foi vc que escreveu no sentido de não ter derramamento de sangue, ou banquete de merda e tal...

Nathi Delacroix disse...

Era da espera que se faria o fim, que seria transmutado em início.

;D

Marcella Leal disse...

Uma das coisas mais bonitas que eu li hoje, me lembra uma coisa que o professor de filosofia estava falando, sobre casais de meninas lindas e meninos feios, ou vice versa, que muita gente acha estranho, mas que talvez a unica coisa que tenha feito eles conseguirem conquistar essas pessoas, apesar da aparência, é a coragem deles de tomar iniciativa.... pode parecer nada a ver meu comentário, mas tem sim, se ele tivesse ligado, não teria esperado, e teria vivido, quem sabe eternamente, o amor de sua vida.

Beijos

Ray Siq disse...

poxa, era só uma ligaçãozinha, assim não ia ter toda essa espera, vai que ela tbm estava esperando?! hahahhaha
adoreii, um textinho leve.
Beijoo :*

Juliana Oliveira disse...

Muito show ter uma conhecida em uma peça tão legal. Pode deixar, tbm to louca pra assistir...rsrssr
beijus!

tossan® disse...

Gostei mais assim como este, mas confesso que o teu outro estilo é diferente e interessante também. Abraço

Anônimo disse...

This will astonish you!

ZEITGEIST: ADDENDUM

http://www.zeitgeistmovie.com/

Money as debt

http://www.youtube.com/watch?v=vVkFb26u9g8

project camelot magnetic motor

http://www.youtube.com/watch?v=hkgyY47duCM

AMAZING!!

OZONATED WATER: CURE ANYTHING!

http://www.stoptherobbery.com/

Monatomic Gold

http://monatomicgold.co.uk/index.php

Daniela Filipini disse...

Adorei esse final *-*

Manú disse...

owwwwwwwwwn

Tatá R. da S. disse...

Meu preferido. i.i

Srta Laís disse...

"Você não disse que vinha, mas eu te esperei..."

adoreiiii