terça-feira, 19 de maio de 2009

Destruo

Acordo
Abro os olhos
E grito
Muito alto
Os vizinhos acordam
Me levanto
Destruo minha cama
Vou ao banheiro
Mijo
Destruo a privada
Ando até a pia
Escovo os dentes
Destruo a pia
Vou até a cozinha
Pego comida na geladeira
Destruo a geladeira
Sento na mesa e como
Destruo a mesa
Pego meu carro
Dirijo até meu trabalho
Destruo meu carro
Entro no meu escritório
Trabalho até tarde
Destruo meu escritório
Saio para lanchar
Como na lanchonete
Destruo a lanchonete
Caminho para minha casa
Atravesso a rua
Destruo a rua
Chego em casa
Abro a porta
Destruo a porta
Entro no banheiro
Tomo um banho
Destruo o box
Vou até o armário
Pego um pijama
Destruo o armário
Sento para ver um pouco de TV
Vejo aquela porcaria
Destruo a TV
Vou até meu quarto
Me olho no espelho

Destruo minha imagem
Destruo minhas lágrimas
Destruo minhas mágoas
Destruo os meus medos
E destruo minha casa

Deito para dormir nos escombros
E grito
Muito alto

Os meus sonhos me acordam

70 comentários:

Gisa Dias* disse...

Que mara Rafa!
Quando quiser alguma coisa dela é so encomendar, ultimamente ela tem mandado muita coisa pra São Paulo, e pode mandar pra vc tbm pelo correio!!!

Bjoaks*

Natalia disse...

Vim agradecer a visita :)
Sim, sim, a análise fotográfica é minha. Trabalho de faculdade ;)

Enfim...

Destrua os sentimentos ruins, mas deixe as coisas materiais. Apesar de serem 'inúteis', ainda precisamos delas.

Nathália Monte ;D disse...

"Os meus sonhos me acordam " linda demais essa frase..

chuchu nao corra nu por aii nao..kkkk
beijO ^^

Debbys disse...

COncluindo, vc sai destruindo tudo.. até que algo interessante pra se fazer.. =P
bjuss

Crispi. disse...

As vezes, é bom destruir.
Beijos!

Ray Siq disse...

adooorei seu blog!!!!
e vlw pela visitinha!!!

muito bom o texto!
beijoss

Marina disse...

E não foi preso? Rs.

Às vezes, sinto vontade de destruir a televisão, até perceber que isso não vai fazer diferença nenhuma. A não ser para meu bolso, já que precisarei comprar outra.

Abraço!

JuJuba disse...

Vc usa lacinhoos ??

Muito interessante o poema, mais não saia mais destruindo as coisas hein. brincadeirinha.

=)

• Cáah . disse...

Ual , ameeeeii .--.

Hélen Ariane disse...

Você é dono da arte destruir!

hauihauiha
amei. ;@@
então, escrevo aos poucos... to sem tempo para postar tudooo!
=/
beijo boy ;@

GrapeFruit disse...

uooow³ que texto foi esse o___o' ?
Eu escrevo bem? depois de uma demonstração de criatividade dessas eu fico até com vergonha dos meus textinhos emo ahauahauahauahu'
adoreei³, brigada pela visita lá no meu blog.
E pode ter certeza que ainda vai receber muitas visitas minhas por aqui ;D

V. Martins disse...

Você é o Hulk :B

Lara ‹з disse...

UIHASUISHAUIHSUIAHSUIH
você Hulk [2]
mas sem brincadeira, o poema é muito bom, consegui entender...
'os sonhos me acordam' ...
:)

ps: esse jato (ou alguma coisa que não sei o nome, que está na foto) passa todo dia de manha enquanto vou para a escola *-*
:*

Beatrix disse...

Ultimamente me sinto bem destrutiva.Acho que destrui minha sanidade e agora não sei se existe cola boa o suficinete pra concertar.

gostei do texto.

Jey disse...

Eu só estou inteira até agora porque eu não tenho um botão de auto-destruição. :D

adorei :} estou seguindo :*

Cleyton disse...

Que belo texto, rapaz! abçs

Patrícia disse...

Acho que este foi o texto que mais gostei! :)
usa sempre pó, é? acho que nem precisa...
hehehe

Feufa Maciel disse...

belíssimo texto! *--*

:*

deliriosdeumamenteconfusa disse...

gostei muito do que vc escreveu,bem legal mesmo!
adoreii seu blog
se tiver um tempo passa no meu blog
bjo

Gi Moreira disse...

oie! parabéns pelo blog e pela originalidade! talento é tudo! BJS

mente inconstante disse...

Olá, obrigada pela visita!
então, acho que meu objetivo do mês é ler todos os blogs q vc acompanha!
hehehe são muitoos!

:*

Menin@ disse...

Falando sério, no início pensei que fosse um texto chato. Mas quando cheguei no final... MUITO BOM!
Parabéns!
Ah, e obrigada pela visitinha. :)
Bjix

Henrique Miné disse...

Assim...não sei se era o objetivo do texto, mas na hora do "mijo, destruo a privada" eu não consegui segurar o riso.

Talvez isso tenha deixado o textoainda melhor...sabe, as vezes eu também saio dando essas..destruidas.
hehe


Abraço.

Prixty disse...

"um viva para atividades intercambísticas."
é isso aí. :D
viva! \o/

aaaaaaah, amei esse texto. :DD
achei que era um revoltado até ver que era sonho. xD
se bem que isso não muda muito.. xP

Talita Prates disse...

Olha, esse poema, aos "desavisados", pode soar comprometedor da sua "sanidade mental"... rs
Zuação à parte, obrigada pela visita!
Já leste "O alienista", do Machado de Assis?

Bju!

Amanda Pinto disse...

destrua seu passado e seus medos pra fazer seu futuro. Sem caganeiras mentais!
;)

L. Sathler disse...

Destruiu! Sim, destruiu.
Não tenho palavras.

Adorei o blog e tudo o que nele está escrito.
Sorte!

:*

Nathália disse...

Nossa, sério, esse poema me impactou! FOi realmente surpreso o final! Amei!

Talita Prates disse...

Não, não foi por causa do conto.
Citei o conto devido à sua fala: "não foi fácil... ter de lidar com todos esses loucos que vivem aqui fora..."
O post é pq ontem foi dia da luta antimanicomial. :S
Paz. Hasta!

Carol Duca. disse...

Caraleo, que foda esse post !
Ahhh, e respondendo ao comentário que você fez, as coisas não são tão simples assim. Mais obrigada, ADOREI o comentário. :)

MaríliaLiah disse...

Claro que pode ser sim o DIVO da semana!
KKKKKKKKK'
Brigada pela visita no meu blog!
Adorei o seu, vou te acompanhar!
Beeijos ;*

Natty disse...

Muito show.
Como tu te sente dormindo nos escombros?
Não destrói o blog.
beijos

A n i n h a a disse...

o texto tem lá sua beleza, apesar da destruição em massa que carrega, Gostei muito.

beijos!

Hélio Machado disse...

Muitas vezes eu tenho essa vontade de destruir TUDO!

No final com tudo destruído o grito alto sela a paz...

Abraço, só não me destroi, ok?

Flor disse...

Tão bonito.
Muito.

Até sorri quando li seu nome, pois o cara que me deixa assim, tão boboca, tem o mesmo nome que o seu.

=)

Beijo grande.

Designer disse...

Desenho direto no computador... nao nasci pra arte tradicional nao rsrs

Estudo na PUC e vc?

Teté disse...

Olá
obg pela visita, volte sempre
gostei do texto ;]
to com essa vontade de destruir tudo =x
hahaha
pena não ser so um sonho, queria que passasse logo =/
mas então tudo de bom pra vc ai
;**

Eduarda Duarte disse...

Fala Rafa...tudo na boa??
Ficou bacana a postagem... mas pra que destruir a casa toda rapaz?? Destrua apenas os sentimentos negativos... depois onde vc vai comer? dormir? fazer número 1 e número 2? rsrs

Como já disse outras vezes, TENHO MEDO de você! rsrs


beijooos

http://papoantenado.blogspot.com/

Ana Paula disse...

Eu tmb gostei...=)
Brigada pelo elogio moço...=)

A. Paula disse...

Ausahuashusahuash, serioo que fofo que as vacas ai dizem má. :õ
A que poema lindo, espero só que com esaa vontade de destruir, você não destrua seu blog, USAHSHSUAU, tá foi sem graça ://

Beijo ;*

Rebeca Oliveira. disse...

Você é uma máquina de destruição hein? HAHAHA

Coloque um biquini e seja feliz; ;P
HUAHUA
Tu é muito bobo, obrigada pela visitinha.

Estarei sempre aqui no Somesentido.

Beijos,Rê.

biah disse...

nossa que destruição!!!
kkkk obrigado pelo comentário la no blog!!
xauzin

Designer disse...

Hahaha poxa, obrigada!
Simsim, me adiciona no orkut:
http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=12142446498809948172&rl=t

Ainda nao to em casa, mas qndo chegar te adiciono no msn rsrs

Amanda disse...

Hahaha poxa, obrigada!
Simsim, me adiciona no orkut:
http://www.orkut.com.br/Main#Profile.aspx?uid=12142446498809948172&rl=t

Ainda nao to em casa, mas qndo chegar te adiciono no msn rsrs

Amanda disse...

(pode apagar o outro comentario, tava logado em outro perfil aqui qndo fui te responder rs)

Lu Paes disse...

Oi, Rafael! (a propósito, tem algum apelido? ^^)

Acho que eu poderia te dizer mil coisas sobre o grito,a dor, a destruição, os sentimentos...mas também achoq ue voc~e já sabe de tudo. Você é o autor da poesia, afinal de contas...
Adoro o que você escreve; é crítico, reflexivo, diferente da mesmice alheia. Só me pergunto da onde vem tanta dor...;)

Ah, é mesmo terrível que a gente more longe! Também acho que você é super legal (mesmo tendo trocado só meia dúzia de palavras com você)...

Beijoos da Lu!

alejandra. disse...

O meu sonho me acordou ontem, me diziam (eu dizia) que eu não não poderia ser feliz [...].
Destruí o meu futuro.

Mas não gritei, só senti a facada que eu mesma me dei.
Acordei angustiada, escrevi um pouco e recomecei a assistir a aula.

Mila Bevilaqua* disse...

Isso me deu uma animação tão grande a hora que comecei a ler, que parece que me senti fazendo isso tudo! Uau...amei!

*.*

Mila Bevilaqua* disse...

O que te leva a pensar que as bananas deveriam ter a casca azulada no lugar de amarela????

xD

Bruna disse...

O bom é que a tristeza foi destruida, mas consequentimente vc acordou-se. As vezes sonhos se tornam realidade, viver em grande harmonia seria uma boa e, a realidade de ter oque nos deixa mal destruido, nos traria paz. Geralmente é que precisamos.

Mila Bevilaqua* disse...

Não acho não! Na verdade, nunca parei pra pensar o que eu acho sobre a cor da banana. Devo procurar ajuda então, ok. rsrs
E quanto a durmir em pé, isso digo com muita certeza, não acho que deveríamos durmir em pé não.

hehehehe..t+

Camila disse...

Poxa que espírito de destruição hahaha
NÃO DESTRUA TUDO ISSO NÃO EIM RAPAZ hahaha

beijao

"Sofi@" disse...

Todos nós de vez em quanto temos vontade de destruir tudo por onde passamos, mas tu faze-o de uma maneira bonita aserio.
Amei o texto.
Beijo

Hoshi Rathbone Lamperouge Cullen. disse...

nussa, :S
eu amei. :D
gosto quando o post prende a pessoa :)

-
huun... tava inspirado, hein?
"Tenho sonhos que me acordam
e esperanças que se transportam
Vontades que me levantam
Desejos que me acalmam"
gostei demais ^^

:*

Varda disse...

Isso parece Um dia de Fúria...


*ok,fiquei com medo de vc escreveu quase um livro ali..uhaua*

;*

Anitha Rosenrot disse...

O texto teve um desenrolar interessante...
Fiquei surpresa com o final.
Gostei muito daqui.
Volto outras vezes. :)

disse...

Destruindo tudo, não haverá nada. Gosto do jeito como você escreve!

Maria Luísa disse...

como eu ão achei o meu blog antes?? =O

eh perfeito!!!parabens!!


http://alma-poetiza.blogspot.com/

Letícia Alvares disse...

Pois é... mas ela (a borboletinha) já reconheceu seu erro, e já corre atrás de consertá-lo! A história dela e do Pássaro apenas está começando...

Mas então, obrigado pela visita! Volte sempre!;)
Gostei bastante dos seus poemas... escreve muito bem! ^^

Só um 'a pensar' sobre esse post: destruir tudo é muito fácil... o complicado é reconstruir depois! (você pode fazê-lo como quiser...)

Letícia Alvares disse...

Ps.: achei que ia destruir o espelho também! O.o hehe. Belo final!

Bertonie disse...

Bem que eu queria destruir meus medos, minhas mágoas, minhas vergonhas e minhas lágrimas também.
Mas tá difícil o processo...
abraços

Bruna Berri disse...

Destruindo tudo, para ter a certeza que jamais voltará.


Mas, se você quiser que volte um dia? Quem... Quem irá reconstruir?

Thaís disse...

retribuindo a visita e putz, fiquei admirada. bela poesia! um beijo

Capitu. disse...

Menino destruidor!
acordou com a pá virada, né?

beijos de retorno

Láay *-* disse...

Nossa! Foi você que fez esse poemaa ? *-*
Lindo-Lindo! *---------*

S. ♥ disse...

Obrigada por vistitar o meu blog *---*
Você escreve maravilhosamente bem, de verdade.
Beeeeijo.

Luh* disse...

"Os meus sonhos me acordam "
amey!

E olha muito sucesso, cara tu escreve muito bem!
=)

BAR DO BARDO disse...

Por que vc não destruiu o sonho?

Lari Sarmento disse...

uau! adoro sua violência ao escrer! muito forte, irônico, triste e lúdico. parabéns

Tatá R. da S. disse...

Eu senti uma sensação de libertação nessa destruição toda. *-*
Só que lhe peço, não venha à minha casa. o.o'
huahuhauhhaua
=*